Publicidade

segunda-feira, 29 de maio de 2017 Advocacia | 12:33

Direito São Bernardo firma parceria com universidade argentina

Compartilhe: Twitter

A Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo iniciou o ano de 2017 com uma nova gestão e propostas que visam à ampliação do relacionamento com outras instituições de ensino e pesquisa, nacionais e internacionais, buscando facilitar a troca de informações e o intercâmbio de alunos e professores. Como parte desse objetivo, a faculdade firmou, no dia 15 de maio, uma parceria com a Universidade de Cuyo, localizada na Argentina.

O convênio foi formalizado pelo diretor da Direito São Bernardo, Prof. Dr. Rodrigo Gago Freitas Vale Barbosa, durante o evento “Primeras Jornadas Binacionales de Derecho Comparado – derechos políticos e instituciones electorales”, que foi realizado na cidade de Mendoza, na Argentina. A atividade contou a participação de dois professores da faculdade brasileira, Prof. Dr. Luiz Guilherme Arcaro Conci e Prof. Dr. Roberto Archanjo Ferreira da Silva, como palestrantes convidados para abordar o Direito Político e Eleitoral Brasileiro.

Este foi o segundo convênio assinado durante a atual gestão da Direito São Bernardo, buscando sua internacionalização; o primeiro foi firmado com o IBCCRIM (Instituto Brasileiro de Ciências Criminais). “Nosso objetivo é iniciar o relacionamento com universidades e faculdades no exterior, para possibilitar a troca de experiências, com a vinda de professores destas instituições e também a ida de nossos professores. Posteriormente, poderão ser criados programas de intercâmbio para nossos alunos, além de uma possível dupla certificação”, afirma o diretor da FDSBC.

De acordo o coordenador de Convênios da Direito São Bernardo, professor Luiz Guilherme Arcaro Conci, a instituição sentiu a necessidade de ampliar sua atuação, promovendo seminários, pesquisas, cursos e outras atividades acadêmicas por meio de convênios. “Os professores precisam ter mais mobilidade entre as instituições de ensino do meio superior para realização de seus estudos e para intercâmbio de conhecimento com o corpo docente de outras instituições. Estudantes precisam ter mais mobilidade para realizarem parte do curso em outras instituições, nacionais ou internacionais, e voltarem para a nossa faculdade. Isso gera a diversidade e a riqueza de conhecimento”, ressalta.

Na programação dos eventos da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo para o segundo semestre de 2017, já estão previstas participações de professores estrangeiros.

Autor: Tags: