Publicidade

terça-feira, 31 de julho de 2012 Julgamentos | 17:22

CNJ decide aposentar desembargador por venda de decisões

Compartilhe: Twitter

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu, na última segunda-feira (30/7), aposentar compulsoriamente o desembargador do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) Edgard Antônio Lippmann Júnior, por participação em esquema de venda de decisões judiciais.

De acordo com informações do processo, o desembargador conceceu liminar em novembro de 2003 para possibilitar a reabertura e manutenção de uma casa de bingo em Curitiba da empresa Monte Carlo, em troca de vantagens financeiras.

Com a decisão, Edgard Antônio Lippmann Júnior, que já havia sido afastado de suas funções pelo CNJ em 2009, recebeu a penalidade máxima em âmbito administrativo e receberá proventos proporcionais ao tempo de serviço.

As informações são do CNJ

Autor: Tags: